A primeira vez no médico dentista nunca se esquece

A primeira vez no médico dentista

Sabiam que a primeira vez no médico dentista é quiçá a mais importante de todas?! Além de se detetar qualquer patologia do foro dentário e/ou dos tecidos da cavidade oral, é quando se estabelece a relação médico-doente. A ida ao médico dentista está ainda associada a níveis de ansiedade e medo elevados e, por conseguinte, está envolta em mitos e noções erradas que deverão ser desmistificados.

Procura pelo médico dentista em urgência

Atualmente e apesar de grande parte da população ter problemas na sua cavidade oral, geralmente só procura o médico dentista quando sente dor. No nosso entender, esta pode ser uma das causas para o “trauma”: a crença de que só se vai quando há dor, e não por prevenção. Por outras palavras, é importante procurar o médico dentista antes de quadros mais complexos que requerem tratamentos mais invasivos, já que este tipo de consulta de “urgência” pode dificultar o estabelecimento da relação médico-doente.

Tudo o que precisa de saber na primeira consulta ao médico dentista

Desta forma, na primeira consulta de Medicina Dentária é feita a realização de uma radiografia panorâmica. Onde se vêem todos os tecidos duros como dentes, maxilar, mandíbula, os constituintes ósseos da articulação têmporo-mandibular. E, ainda algumas lesões como quistos e tumores. De igual modo, são feitas as radiografias aos dentes que o médico dentista achar adequadas. Igualmente, na observação e história clínica geral (antecedentes pessoais e familiares, doenças sistémicas como a diabetes). Além disso, oral (em que se observam os dentes, gengivas e mucosas), uma destartarização (vulgarmente conhecida como “limpeza”). Ou seja, é feita a remoção de pigmentos e ainda a aplicação de flúor na superfície dos dentes.

Posto isto, independentemente do diagnóstico, a marcação de consultas deve ser feita consoante os tratamentos que forem necessários realizar. Contudo, independentemente deste diagnóstico, são aconselhadas novas consultas de revisão de 6 em 6 meses (ou menos, consoante o caso). Porém, nestas consultas são feitas a atualização do estado de saúde do paciente e nova “limpeza”.

QUERO MARCAR CONSULTA 

Leave comment